Archive for abril \24\UTC 2011

Tropa de Elite 2

abril 24, 2011

Ouvimos em off o Capitão Nascimento (Wagner Moura) falar logo após ter denunciado vários políticos e policiais corruptos na CPI aberta pelo deputado Fraga.   Roteiro: Bráulio Mantovani e José Padilha.

Capitão Nascimento – Eu fui pra CPI do Fraga pra detonar o sistema.  Eu fui lá pra falar a verdade, pra dizer o que eu estava sentindo. Contei tudo que eu sabia, reconheci meus erros e falei por mais de três horas. E dei porrada em muita gente. Botei muito político na cadeia. Por causa do meu discurso, teve filho da puta que foi pra vala muito antes do que esperava. Foi a maior queima de arquivos da história do Rio de Janeiro. E mesmo assim o sistema continuava de pé. O sistema entrega a mão pra salvar o braço. O sistema se reorganiza, articula novos interesses, cria novas lideranças. Enquanto as condições de existência do sistema estiverem aí, ele vai resistir. Agora me responda uma coisa, quem você acha que sustenta tudo isso? É… E custa caro. Muito caro. O sistema é muito maior do que eu pensava. Não é à toa que os traficantes, os policiais e os milicianos matam tanta gente nas favelas. Não é à toa que existem as favelas. Não é à toa que acontece tanto escândalo em Brasília e que entra Governo, sai Governo, a corrupção continua. Pra mudar as coisas vai demorar muito tempo. O sistema é foda.

Comer Rezar Amar

abril 17, 2011

Ouvimos a voz de Liz Gilbert (Julia Roberts) enquanto ela escreve de Roma para o seu ex–namorado David (James Franco). Livro: Elizabeth Gilbert   Roteiro: Ryan Murphy e Jennifer Salt.

Liz – Lembra quando falou que devíamos ser infelizes juntos pra sermos felizes?  Considere uma prova do quanto te amo eu ter passado tanto tempo tentando fazer essa idéia dar certo. Mas, outro dia, um amigo me levou a um lugar incrível: o Augusteum.  Otaviano Augusto o construiu para abrigar seus restos mortais.  Quando os bárbaros vieram eles o demoliram junto com todo o resto. Como Augusto, o primeiro grande imperador de Roma, imaginaria que Roma e que todo o mundo como ele o conhecia ficaria em ruínas? É um dos locais mais sossegados e solitários de Roma. A cidade cresceu ao seu redor ao longo dos séculos. O lugar é como uma ferida, um coração partido ao qual você se apega pois a dor é boa.  Todos queremos que as coisas permaneçam iguais, David. Aceitamos viver infelizes porque temos medo da mudança, que as coisas acabem em ruínas.  Aí, eu olhei esse lugar, o caos que ele suportou, o modo como foi adaptado, queimado, pilhado e depois encontrou uma maneira  de ser reconstruído, e me tranqüilizei.  Talvez minha vida não tenha sido tão caótica. O mundo que é, e a única armadilha real é nos apegarmos às coisas.  A ruína é uma dádiva. A ruína é o caminho que leva à transformação.

Scarface

abril 6, 2011

Tony Montana (Al Pacino), o maior traficante de Miami, discute com sua mulher Elvira (Michelle Pfeiffer) em um restaurante chic. Depois da discussão, Tony se levanta e fala com os outros clientes que o estão olhando.  Livro: Armitage Trail.   Roteiro: Oliver Stone.

Tony – Vocês são todos uns idiotas. Sabe por quê? Vocês não tem coragem de ser o que querem. Vocês precisam de gente como eu. Precisam de gente como eu para apontar o dedo e dizer “Ele é o bandido”. E vocês o que são? Bons? Vocês não são bons. Vocês apenas sabem como esconder. E mentir.