Archive for outubro \29\UTC 2010

A Outra História Americana

outubro 29, 2010

O professor Bob Sweeney (Avery Brooks) conversa com Derek Vinyard (Edward Norton) na cadeia. Roteiro: David McKenna

Bob Sweeney – Houve um tempo em que eu culpava a tudo e a todos por toda dor, sofrimento e as coisas desprezíveis que aconteciam comigo e que eu via acontecer com o meu povo. Eu culpava todo mundo. Culpava os brancos, culpava a sociedade, culpava Deus. E eu não tinha resposta porque fazia as perguntas erradas. Você deve fazer a pergunta certa.

Derek – E qual é?

Bob Sweeney – Alguma coisa do que fez tornou sua vida melhor?

Sexto Sentido

outubro 22, 2010

Cole (Haley Joel Osment) conversa com sua mãe, Lynn (Toni Collette). Ele fala o recado que sua falecida vó, a mãe de Lynn, mandou para ela.  Roteiro: M. Night Shyamalan.

Cole – Ela queria que eu dissesse que ela viu você dançando. Ela disse que quando você era pequena, você e ela brigaram pouco antes da sua apresentação de balé. Você pensou que ela não foi vê-la dançar. Ela foi. Ela ficou lá atrás para você não ver. Ela disse que você parecia um anjo. Ela disse que você foi ao lugar onde ela foi enterrada e fez uma pergunta. Ela disse que a resposta é “Todos os dias”. O que você perguntou?
Lynn –  Se… Se ela tem orgulho de mim?

Além da Linha Vermelha

outubro 14, 2010

Enquanto vemos os soldados americanos exterminando um acampamento japonês na segunda guerra mundial, ouvimos os pensamentos do soldado Witt (Jim Caviezel).  Livro: James Jones.   Roteiro: Terrence Malick.

Witt – Esse grande mal. De onde vem? Como se entranha dentro do mundo?  De que semente, de que raiz isto cresceu? Quem está fazendo isso? Nos roubando a vida e a luz? Debochando de nós com a visão do que poderíamos ter sabido? Será que nossa ruína beneficia a Terra? Será que ajuda a grama a crescer ou o sol a brilhar? Essa escuridão está dentro de você também?

Invictus

outubro 8, 2010

O guarda-costas Jason (Tony Koroge)  vai até a sala de Nelson Mandela (Morgan Freeman) reclamar da contratação de guarda-costas brancos. Mandela então o explica o poder do perdão.  Livro: John Carlin.  Roteiro: Anthony Peckham.

Mandela – O perdão liberta a alma. Afasta o medo. Por isso é uma arma tão poderosa.